Logo Radio Divinópolis

ESPORTE

Logomarca

NOTÍCIAS - ESPORTE

Galo assume vice liderança em noite que a Raposa levou de quatro

20/05/2019

imprimir Facebook Twitter
Capa

O Atlético encerrou a 5ª rodada do Brasileirão na vice liderança, com 12 pontos, um a menos que o líder Palmeiras – que está sobrando na competição.

Contrariando todos os prognósticos que em nenhum momento colocavam o Galo entre os favoritos, o alvinegro com o seu time “limitado” e com um técnico interino no comando vai surpreendendo a quase todos – menos sua apaixonada torcida que sempre acredita.

A vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo, que investiu uma grana preta na montagem do elenco pode ser o divisor de águas para Atlético na temporada. O triunfo com um jogador a menos, com Elias expulso nos acréscimos do 1º tempo, mostra para os atletas que eles podem chegar mais longe do que o previsto pelos cronistas esportivos antes do início da competição. Basta jogar com raça e determinação como no sábado no Independência.

Agora, que a diretoria não se iluda, pois ainda é preciso se reforçar. O Galo precisa contratar para algumas posições, como por exemplo a lateral esquerda, que não tem um substituto para Fábio Santos. Patric jogou improvisado na esquerda e não comprometeu, mas o ideal é ter alguém da posição, já que pelo visto, Rodrigo Santana não confia no jovem Hulk.

Por falar em confiança, o que está acontecendo com o Cruzeiro? O time caiu de produção e faz uma campanha pífia no Brasileirão, com três derrotas acachapantes fora casa, vencendo somente as fracas equipes do Ceará e do Goiás, no Mineirão. É pouca para um time recheado de bons jogadores e com um técnico da grife de Mano Menezes.

Algo precisa ser feito e rápido. A diretoria precisa reunir o grupo de jogadores e cobrar mais empenho, pois qualidade técnica os jogadores já mostraram que têm. Mas, num campeonato tão disputado, preciso se doar, correr atrás do adversário, suar a camisa, sujar o calção, sair de campo exausto. Isso é o mínimo que os torcedores esperam e que os jogadores podem fazer para justificarem seus altos salários.

E o América segue sem vencer no Série B. Ontem, faltou pouco para a primeira vitória de Maurício Barbiere no comando do Coelho, mas o time cedeu a virada nos minutos finais ao Sport, de Recife, para a tristeza dos Americanos que compareceram no Horto. Após quatro rodadas, o América amarga a penúltima colocação com apenas um pontinho.  


Por Amaral Júnior

Foto divulgação

 1 2 3 4 5 6 Fim